Tubulações e Conexões

Tubulações e Conexões Polifluor

Tubulações e conexões - Revestimento em Teflon®

Quando o processo de revestimento é feito normalmente por encamisamento.

O tubo de TEFLON® sofre uma pequena redução em seu diâmetro e, sob pressão, é introduzido no interior da peça. A seguir, é feita a normalização do revestimento, conseguindo-se o alívio de tensões e uma moldagem perfeita na superfície interna do tubo.

Por esse processo, mesmo que a parede interna do tubo apresente irregularidades, o revestimento será perfeito, evitando a chamada “parede falsa”, sensível às intempéries.

No caso da virola*, todo o trabalho é feito a quente e com dispositivos adequados para a expansão do tubo.

A temperatura é controlada durante todo o processo assegurando que não haja rompimento da virola, o que comprometeria todo o revestimento.

Tanto na redução a frio quanto na expansão a quente, o TEFLON® deverá estar bem sinterizado ou compactado. Caso contrário, ocorrerá o rompimento do material.

Tubos em aço carbono revestidos de TEFLON® para condução de produtos químicos corrosivos.

Vantagens Menor coeficiente de atrito Temperatura de trabalho -70ºC + 250ºC Inércia química a quase todos produtos (exceto aos metais alcalinos, fúor, F ), cloro trifluorado (CLF )